22 de jan de 2013

Life Contagious - Parte 9

"Arrependimentos e erros, são feitos de memórias
Quem poderia ter adivinhado o gosto amargo
Que isso teria?"Someone Like You - Adele














(Gente aparti de agora, as palavras em negrito & itálico são Gifs e as que estão só em itálico são palavras que eu destaco por que sim rs)
Megan On*
Eu e Justin já haviamos almoçado. Estavamos na sala, Justin disse que queria me contar algo.
Megan: Oque foi?
Me sentei, e Justin se sentou ao meu lado, ele me olhou, e segurou minhas mãos.
Justin: Megan, eu vou viajar amanhã.
Megan: Legal, aonde você vai?
Justin: Eu vou para os estados unidos, casa de uns amigos de infância.
Justin On*
Não sabia como contar aquilo a Megan, eu não tinha ideia das palavras que eu ia usar, mais seria melhor avisar do que sumir sem dar sinal de vida.
Megan: E você vai voltar que dia? -ela deu um sorriso-
Justin: Megan, eu não vou voltar!
Megan mudou totalmente seu humor.
Megan: Como assim não vai voltar?
Justin: É que eu quero conhecer gente nova, quero aproveitar minha vida.
Me levantei, e fiquei na frente de Megan, ela parecia está tentando processar tudo aquilo.
Megan: Justin você não pode ir embora para sempre!
Ela também se levantou e ficou me olhando como se não estivesse aceitando aquilo.
Justin: Por que não? -olhei em volta-
Megan: Porque eu.. eu Te amo Justin, você não pode ir embora! -ela estava extremamente triste-
Quando Megan disse que me amava, eu tive vontade de abraça-lá, e dizer tudo oque sinto, mais não. Eu não podia fazer isso então, resolvi inventar qual quer coisa. Não queria colocar Megan em perigo.
Justin: Megan! -levantei seu rosto, fazendo com que ela olhasse para mim- Você não pode me amar.
Megan: Mais por que não?
Justin: Por que eu não te amo, desculpa, mais você não é boa o suficiente pra mim.
Confesso, dizer aquilo, doeu mais em mim do que em Megan.
Megan: Tudo bem. -ela disse seca, e seus olhos se encheram de lagrimas-
Justin: Se cuida tá -a beijei na testa-
Sai dali, Megan foi atraz de mim, mais não falou nada, apenas bateu a porta. Entrei no carro, e dirigi o mais rapido dali, antes que eu voltasse atraz.
Megan On*
Fui com Justin até a porta, depois que ele passou bati a porta e desabei em lagrimas. Aquele momento foi como se tivesse abrido um buraco no meu peito, as palavras que Justin me disse ficou fazendo eco na minha cabeça, e eu quase desmoronando de chorar. Eu não devia ter dito aquilo, não deveria ter dito que o amo, isso evitaria ele ter dito aquelas coisas horriveis pra mim. Eu simplismente estou muito magoada, acho que nunca mais vou conseguir ver Justin na minha vida. O pior de tudo, ele tem algum tipo de bipolaridade? primeiro ele é todo fofo, até nos beijamos e depois ele simplismente diz que eu não sou boa o suficiente? eu já estava soluçando de chorar, por que nada nunca dar certo? por que eu tenho o dom de estragar tudo?
[...]
Depois de um tempo, escutei batidas na porta, limpei minhas lagrimas rapidamente, respirei fundo e fui abrir. Quando abri vi que era Jason, forcei um sorriso e o abracei.
Jason: Ah.. Oi?
Soltei Jason, eu estava necessitando de um abraço, e ele ficou sem entender.
Megan: Oi
Jason: Oque tá acontecendo?
Não aguentei por muito tempo, abracei Jason e comecei a chorar, mais eu estava um pouco mais calma.
Jason: Megan, oque aconteceu? -ele falou com um ar de preocupação-
Sabia que Jason não gostava do Justin, e muito menos quando eu estava com ele, mais eu precisava desabafar e ele é meu amigo.
Megan: O Justin Jason...
Jason: Oque aquele desgraçado te fez? -ele me olhou assustado-
Megan: Ele.. tem certeza de que quer ouvir?
Jason respirou fundo, e entrou.
Jason: Eu quero, pode falar.
Megan: Jason esteve aqui mais cedo, nos beijamos e..
Jason: ELE TE ATACOU? AONDE FOI? MEU DEUS!
Megan: Atacou? não não, ele disse que ia ir embora, dai eu disse pra ele não ir porque.. eu amo ele e..
Jason me olhou meio assustado, e ficou com uma cara meio ruim.
Jason: Você ama ele? -ele disse nervoso-
Megan: Jason eu não escolhi.
Jason: Agente não pode escolher essas coisas, mais continua.
Megan: Ele disse que não me amava, que eu não era boa o bastante pra ele e depois ele foi embora.
Deixei uma lagrima escapar, e tive medo que Jason jogasse tudo que ele me disse sobre Justin na minha cara, mais ele apenas me abraçou.
Jason: Megan não importa oque ele te disse, eu te amo e você não é boa o suficiente pra mim, você e otima.
Jason me confortou ao dizer essas palavras, ele disse isso olhando nos meus olhos, e eu não me senti a garota que faz tudo dar errado.
Megan: Obrigada, eu tambem te amo.
Ficamos abraçados.
Jason: Agora para de chorar, ele não merece uma lagrima sua.
Megan: Tem razão. Eai oque veio fazer aqui?
Jason: Eu terminei o trabalho lá na oficina e passei aqui.
Megan: Ah tá.
Jason: Quer fazer uma alguma coisa?
Megan: Desculpa Jason, mais eu acho que vou dormir.
Jason: Megan quando você acordar vai estar tudo igual.
Megan: O pior de tudo é isso mais eu vou dormir sim, Jason você pode voltar mais tarde?
Jason: ah, claro posso sim!
Confesso que Jason falou aquilo encomodado, ele queria ficar, mais eu.. bem eu queria ficar sozinha.
CONTINUA 
Oi amores, o Justin é um filho da pattie kra :') mas.. comentem :))
#Lara




4 comentários: